Quadrilha de São Paulo é procurada pela polícia após roubos a bancos no Espírito Santo

Uma quadrilha de São Paulo é investigada pela Delegacia de Roubo a Banco da Polícia Civil, após assaltar cinco caixas eletrônicos de agências bancárias no Espírito Santo. Foram quatro roubos na Grande Vitória e uma em Linhares.

De acordo com as investigações, a quadrilha agia sempre da mesma forma. Os criminosos chegam na agência, um deles arromba o caixa eletrônico com um pé de cabra e em seguida, um comparsa usa uma pinça para retirar os envelopes de dinheiro. A ação durava poucos minutos.

O delegado responsável pelo caso, Nilton Abdala, afirmou que os criminosos agiram também no Rio Grande do Norte, no Rio de Janeiro e em São Paulo. A quadrilha formada por Genivaldo Alves, de 46 anos, Roberto Junior, de 32 anos, Alessandro da silva, de 38 anos, e Álvaro Garcia, de 43, está foragida. A polícia já pediu a prisão preventiva dos acusados.

Abdala ainda pede à população que entre em contato com Ciodes, caso suspeite que a organização criminosa voltou a atuar no Espírito Santo.

Se forem condenados, poderão pegar de três a 20 anos de prisão e responderão pelos crimes de furto qualificado e formação de organização criminosa.

Direto da redação, com informações de Luiz Zardini

Record News ES / Rede SIM