Mais de 100 veículos são flagrados sem tacógrafo durante fiscalização do Ipem em Colatina

Durante uma operação conjunta realizada pelo Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Espírito Santo (Ipem-ES) e o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar em Colatina, 118 veículos foram notificados por falta de certificação do cronotacógrafo – conhecido popularmente como tacógrafo – ou por estarem com a certificação vencida.

A ação aconteceu entre os dias 08 e 11 de julho, no Posto 12 – 3ª Cia BPTRAN, no município de Colatina. Ao todo segundo os órgãos,  853 veículos foram fiscalizados.

As operações especiais são executadas em todo o Estado, em parceria com o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e a Agência Nacional de Transportes terrestres (ANTT).

O Ipem-ES orienta os proprietários dos veículos em situação irregular a submeterem os instrumentos ao ensaio metrológico obrigatório, a fim de garantirem o cumprimento da legislação e evitarem penalidades. Os proprietários notificados têm dez dias para apresentar defesa ao Instituto. A multa varia de R$ 600 a R$ 15 mil.

“Os proprietários que tenham veículos em situação irregular devem providenciar a certificação do tacógrafo. O ensaio metrológico do tacógrafo é o que garante que o instrumento está fornecendo dados precisos e confiáveis sobre a condução do veículo, como a distância percorrida, a velocidade desenvolvida, o tempo de condução e o tempo de parada. Essas informações são muito importantes para o condutor, para o proprietário do veículo e para os agentes de trânsito que realizam o trabalho de fiscalização”, explicou a diretora-geral do Ipem-ES, Cláudia Lemos.

Direto da redação
Record News / Rede SIM
Com informações da Secom/ES